domingo, 4 de novembro de 2012

As maiores populações do mundo !


   A CHINA é um país que se transforma num ritmo muito acelerado com design de vanguarda Mega-futurista. Possui vários Patrimônios Mundiais da UNESCO, a começar pela 1ª Maravilha do Mundo Moderno, a Grande Muralha ou Great Wall ou Wan Li Chang Cheng ou simplesmente As Muralhas da China ( Dragão de Pedra ); considerando seus vários trechos construídos como forma de defesa; afirmam alguns chineses poder ser vista do espaço, fato nunca confirmado por astronautas, inclusive Chris Austin Hadfield, o primeiro astronauta canadense a caminhar no espaço afirmou isso não ser possível, aliás, ele afirma que as três Pirâmides do Egito sim podem ser vistas do espaço, devido estarem no deserto; já a Grande Muralha não está em um local privilegiado para este fim, principalmente pela própria poluição da cidade de Pequim=Beijing  que é absurda ! Em certos dias não dá para ver quase nada ... imagine algo assim ser visto do espaço !? E não é tão fácil nem simples ver a Muralha de qualquer canto mesmo da terra, ficando meio escondida sendo necessário ir a pontos específicos um pouco distante da capital como por exemplo Badaling ( o próprio nome já lembra ser mais badalada, ou seja, mais gente ) e Mutianyu ( um pouco mais afastada, menos turistas ). Se tiver disposição e tempo visite os dois pontos que são em direções opostas. Sua extensão descomunal é muito contraditória; lê-se em livros algo em torno de 6 a 9 mil quilômetros no total, o que seria mais que a altura do Monte Everest ( a mais alta montanha do planeta que pode ser visto do sudoeste chinês ), mas há guias que citam tamanhos ainda mais impressionantes como 21.871 km !? ( nada tão impossível ). As larguras também são divergentes e insignificantes em comparação ao real significado, extensão e grandeza da obra. Uma famosa frase é : “ Não importa o estado de ânimo que você se encontre ... diante da Grande Muralha é como se sua alma ajoelhasse “.  

A Praça da Paz Celestial ou Praça Tiananmen ou Tian´anmen, símbolo da Nova China, já foi a maior praça do mundo bem no centro da capital Pequim ou Beijing oriundo do chinês ou do mandarim dialeto ou fonema Pinyin; uma tradução ou adaptação ao português. Foi nesta praça que Mao Tse-Tung anunciou o estabelecimento da República Popular da China. E logo em frente da praça está a Cidade Proibida ou Cidade Proibida Púrpura ( Zijin Cheng ) ou Palácio Imperial, Museu do Palácio ( Gugong ), mais um PATRIMONIO MUNDIAL DA HUMANIDADE citada entre as Maravilhas no Mundo, uma cidade dentro da cidade de Pequim, murado e protegido, assim como o palácio de Bancoc para a Tailândia. Possui este nome exatamente por ter sido proibido o acesso a quem não era da família do imperador ou empregados destes, hoje museu permitido aos turistas e sinceramente está mal cuidada, considerando a quantidade de pessoas por todos os lados. O local também foi cenário para alguns filmes como por exemplo O Último Imperador ( The Last Emperor – 1987 ); mais uma daquelas visões e lugares únicos que não se vê em outro lugar, além de outras antigas construções que nos remetem ao passado de tantas dinastias como é o caso do Templo do Céu ( Temple of Heaven ou Tiãntán ou Tian Tan Gongyuan ), o Central Park deles, que fica dentro de um gigantesco parque e é um lugar de orações e cultos com uma beleza celestial, maior que a própria Cidade Proibida. Na realidade tudo é muito grande sendo necessário paciência e disposição para andar o dia inteiro.
     Paraíso para as compras ? Wangfujing  ou Wang Fu Jing é a Avenida ou a Strip chinesa ( numa comparação com Nova York e Las Vegas ); uma das principais ruas onde se tem de tudo, incluindo shoppings, camelódromos e alimentação à gosto do cliente onde os chineses tem a prática usual de comerem animais “ diferentes “ ou exóticos como cobras, escorpiões, aranhas, baratas, cavalos marinhos entre outros insetos como se fosse churrasquinho no palito; bom apetite !? Ouvi um chinês dizer que comem tudo o que anda de costas para o céu. E se a aparência de certas refeições é ruim, o cheiro é muito pior ! Portanto, alimentação por lá ( para os ocidentais ) é um risco e para ser bem sincero, os preços não são todos bons como eu pensava, considerando que tudo vem da China ( só se for para exportação ). Por outro lado, no camelódromo local você faz a festa sim, pois jogam o preço lá em cima e não vão lhe deixar ir embora sem vender pelo que você quiser pagar. Portanto, desista da compra ... vão lhe buscar e aceitar seu preço. Diminua de 70% a 85% do preço que lhe derem, pode apostar ! 
Maiores informações sobre o país que inventou o macarrão ( não foram os italianos ) estarão no livro " O Mundo é Seu, Viaje ! " como por exemplo o Buda Gigante de Leshan, os Soldados de Terracota, outros lugares cenários de filmes como Avatar, cidades gigantescas como Hong Kong ( apelidada de a Nova York ou a Las Vegas do oriente, assim como Macau onde falam até português,  inacreditável encontrar a língua portuguesa na Ásia ) e Xangai ou Shanghai que é ou foi conhecida como a Paris do oriente. Sabe aquele ditado “ Nada é tão ruim que não possa piorar “ relacionando à minha publicação sobre a Rússia ( Moscou ); pois é ... se em Moscou já não falam inglês, em Pequim acho que nem sabem o que é inglês !? Se em Moscou falam só russo, agora é só chinês ! Nem no Tourist Information do aeroporto falam inglês !!?? Pegar um táxi em Pequim foi o meu maior desafio de todas as minhas viagens, pois simplesmente não falam e não entendem nada ... nenhuma palavra !! “ Nem aqui nem na China ! “ ( mais um ditado ). Só falam o “ ing-óing “ deles e não sabem nem ler em inglês um Voucher de hotel que tem de estar em pauzinhos !! A solução, após quase uma hora de briga e gesticulômetro foi o taxista ligar para o hotel ( porque tinha o telefone no Voucher, graças a Deus ) e embarcar sem saber ao certo para onde estava indo num trânsito que deixa São Paulo uma maravilha. Ao menos o valor de táxi por lá é bem em conta ( cerca de U$ 20,00 por duas horas de tráfico ). Até no front desk do hotel o inglês é difícil. Somente alguns guias falam melhor, pois estão mais  acostumados com turistas, porque nas ruas esqueça ! Seja lanchonete, lojas, etc ... ninguém fala nada em inglês e também não tem boa vontade de ajudar chegando a serem irritantemente burros e/ou grossos mau educados. A única coisa que eles sabem fazer é ficar conectados, o tempo todo com um maldito aparelho nas mãos ... o resto que se dane ! Se for brasileiro pode falar em português mesmo, porque dá na mesma. Você pede a conta até com o gesto tradicional de uma assinatura e eles lhe trazem mais chá !!?? Cobram separadamente para cozinhar o prato que você pediu no restaurante, por acaso você iria comer cru ? Eles devem achar que sim. Atravessar as ruas em Pequim é outro desafio em meio a tantos veículos e bicicletas, porque você não entende os sinaleiros, as ruas são gigantescas e eles não param ! E ainda por cima não aceitam Dólares, querem a droga do Iuan deles. Vá com guia tudo agendado, porque os serviços são horríveis, o povo é esquisito ... se tiver problema no hotel mandam um funcionário despreparado falando “ ing-óing “ ... afinal é a língua mais falada no mundo e você vai ser um E.T. perdido no meio dessa loucura !
 
Abaixo uma descrição sobre um destino que pode trazer fascínio ou aversão ... amor ou ódio ... conformar ou chocar ! Uma longínqua cultura e modo de vida muito diferente de tudo o que se vê no mundo. Algumas fotos não são publicadas para não causar nojo ou espanto ... nem estragar a continuidade dos roteiros que demonstro com alegria e satisfação. Mas é um lugar muito falado e comentado entre os viajantes e aventureiros extremos ... 
e bota extremo nisso ! 

   Muitos lugares a serem destacados, exatamente pelo grande exotismo diferencial, um verdadeiro choque de fortes contrastes. Aqui vai um relato ( quase indescritível ) da mais pura realidade, feito na base de muitas pesquisas, experiência pessoal, informações e visualizações através de fotos, fatos, vídeos e programas que mostram a ÍNDIA como ela realmente é. Na realidade vai muito além de qualquer revista, livro ou informações que seu agente de turismo vai lhe oferecer, mostrar ou incentivar. Vai muito além de tudo que está nesta publicação. Vai muito além de tudo o que vi, de tudo o que escrevo, de tudo o que sei e de tudo o que podemos ver de verdade. É necessário muita coragem para sair além do conforto de casa, dos hotéis à base de Margaritas e Martinis à beira-mar indo da pobreza à riqueza em segundos, onde tudo corre muito rápido no país que tem a segunda maior população da terra, com possibilidade de ser a primeira, já que o crescimento populacional é altíssimo e dizer que não tem filhos não é muito boa idéia, pois a procriação é poder para os indianos. Para mim é, definitivamente o país mais louco da terra. Tudo é muito distante e difícil, um verdadeiro caos ou pandemônio ! É mais um daqueles lugares que você deve achar que está sonhando ou tendo um grande pesadelo, pois tudo é mesmo muito diferente ( mais do que se possa imaginar e do que se possa descrever ) podendo amar ou odiar ao mesmo tempo. Os ônibus e trens andam com a portas abertas ( não conseguem fechá-las de tanta gente socada dentro ) e as pessoas se penduram pelas janelas e caminhões, absolutamente normal num alvoroço e  trânsito que ninguém se entende, nem os policiais ( coitados ! ), simplesmente não tem sentido ... ou melhor, tem sim; o seu !! Ou o de cada um ... e todos tentam se virar como podem num barulho ensurdecedor das buzinas. Ah ... as buzinas ! Buzinar chega a ser sinal de educação ! É uma forma de avisar o outro “ - Estou passandooooooooooo “ ... ( no Brasil, buzinar é sentença de morte ! Na Índia é um favor ao outro ). Os veículos tem até aviso : “ Buzine, por favor “ ( Blow horn, please ), que diferença ! Se no Brasil acontecesse o que se vê na Índia, seria um homicídio coletivo, todos se matariam em instantes. Hilariamente os indianos não conhecem fila-indiana, ninguém entra em fila de espera pra nada e todos querem passar primeiro. A pé ou motorizado sua velocidade poderá ser a mesma, um verdadeiro mar de gente e atravessar uma simples rua pode ser outro desafio em meio aos tuk-tuks, carros, motos, caminhões, ciclistas, vacas, camelos, porcos, macacos, cabras, búfalos ... ( estranhamente não vi os elefantes que mostram os programas ) e há quem desafia o trânsito andando no meio da rua onde você é obrigado a desviar se estiver no volante ( se atropelar terá problemas sérios ). Muitos carros dobram ou arrancam fora os retrovisores laterais, pra quê isso se nem carteira de motorista é preciso ? Muitos menores dirigem à vontade e se re$olvem com os policiais SE for parado algum dia. Tudo chega a ser engraçado e tem algo de se invejar em tudo isso; são felizes e inacreditavelmente não há acidentes, não se estressam, não brigam, não se ofendem nem descem do carro, muito menos ameaçam ou matam o próximo, mesmo que tenha sido fechado ou jogado para fora da rua ... e o trânsito flui melhor que qualquer capital brasileira. Não é de “ tirar o chapéu “ para isso ? Aprende brasileiro !!!  

Vai ver coisas incompreensíveis aos ocidentais como barbearias, dentistas e banheiros ao céu aberto ( tudo sendo utilizado naturalmente ), locais onde vendem comida ou carne sem refrigeração junto com uma borracharia, camas ou sacos de dormir pelas ruas bem ao lado do lixão que faz parte da decoração local ( melhor não abrir o vidro do carro ), além das gambiarras elétricas nos becos na Velha Delhi feitas com os fios públicos que parece aquelas invasões ou grandes favelas ( ouvi uma guia dizer que achava aquilo lindo !!? Realmente o conceito de beleza é muito relativo ). Para visitar ou viver na Índia é preciso ter 3 coisas boas ou 3 B´s : Boa buzina, Bom freio e Boa sorte ! Com isso já podemos concluir parte do que se encontra ao desembarcar nessa terra onde tudo é absolutamente possível e onde os animais são divindades ... e estou falando de todo tipo de animal. Nem pense em tocar em uma vaca, quanto mais comer um bife. Elas circulam, deitam no meio da rua e você é que tem de desviar. As famílias são grandes e vivem facilmente 20 pessoas num mesmo quarto ! As famílias menores ( com apenas 7 pessoas ) moram em 5 m², uma cela !! Isso sim é que alta densidade demográfica e a alimentação é extremamente apimentada ( “ spice  “ ), cuidado ! Existe um festival sagrado chamado Kumba Mela ou Kumbh Mela que ocorre a cada 3 anos, onde os milhões de fiéis se jogam no Rio Ganges ou Ganga ou Ganga Ma ou Banares ... e aqui vai minhas desculpas aos hinduístas ou indianos, mas é o rio mais nojento e sujo da terra ( urght ! ) que fica na cidade de Varanasi ( junção dos rios Varana e Asi ) também conhecida como Benares ou Kashi ( significa cidade luz ) que é muito procurada, busca dos devotos. Já foi cena de alguns filmes e novela brasileira, porém de luz só mesmo a grande imaginação do fiéis, porque deve ser o lugar mais sujo do planeta, comprovadamente 750 mil vezes acima do tolerável à vida, fugindo de toda e qualquer compreensão e noção que possamos ter de limpeza e higiene no ocidente ou sei lá de onde ( nem lembro mais !! ). Uma grande contradição, pois é a cidade mais sagrada !? Sabe aquele lugar que um dia você passou e pensou : “ – Nossa que sujeira ! “ ? ... pois esteja certo que nada se compara ao que se vê à beira do “ Santo Ganges “. Banham-se ... lavam roupa ... tomam a água, escovam os dentes e tudo mais fazem embaixo daquela água preta ao lado do esgoto e do lixão ao céu aberto onde corpos humanos são jogados   ou o que sobrou deles, pois nem tudo se queima totalmente na incineração tradicional cotidiana à beira do rio ... e dizem ser em torno de 100 a 400 cremações por dia ! É corpo chegando o tempo todo !! Corpos de mulheres grávidas ou bebês nem são queimados, são jogados apenas enrolados em um manto branco, dá para imaginar cenas como essas ? E o cheiro ? Portanto, ver cadáver boiando em putrefação deve estar no seu itinerário turístico à Varanojo, digo Varanasi que, inacreditavelmente foi citada junto com o próprio Ganges entre as Maravilhas no Mundo ( sem comentários ). Outras cidades como Jaipur, a capital do deserto Thar que ocupa 10% do território indiano na junção com o Paquistão, é a cidade onde os macacos mandam ! Eles estão por todos os lados e também são deuses sagrados sendo alimentados pelos humanos e se proliferando como loucos, tomando conta das ruas e de tudo enfim, assim como em Deshnoke, outra cidade que venera ratos ... sim, ratos ! E não são Ratinhos brancos da Índia ( outra ironia ), são ratos dos nojentos mesmo e/ou ratazanas. Inacreditável tudo o que se vê, pois as pessoas não apenas os alimentam ... elas comem ou bebem leite junto com eles, ao mesmo tempo e no mesmo prato ou tigela !!    
Se quer ir, vá ... vão lhe receber de braços abertos, pois são muito receptivos, amigáveis e gentis. É bom tomar certas vacinas e vá totalmente sem preconceitos ou julgamentos pré-estabelecidos, porque por lá, assim como em outros lugares, os homens andam de mãos dadas, dão beijos e abraços carinhosos em público e dizem não ser homossexuais. Olham pra você como se você fosse de outro mundo ( somos mesmo ! ) ... podendo até querer tirar fotos ou segui-lo(a). São capazes de chegar perto ou sentar do seu lado sem falar nada e ficarem lhe olhando. As indianas manuseiam esterco com as mãos para fazer barro e lenha deixando secar ao sol e depois cozinhar à base disso como lenha, além de outros horrores que possam surgir fora do meu conhecimento ( pra mim já é o suficiente e não duvido de mais nada ). Lembre-se que não é prudente andar com as pernas nem ombros de fora, mesmo estando acima dos 40ºC. Vá de corpo, mente e coração bem abertos, além de preparar o estômago para todo esse desconhecido, para este “ novo “ modo de vida que vai aparecer ao seu redor. Se quer fazer regime ( ou passar fome ), é o lugar certo, pois até a higiene dos restaurantes podem lhe fazer ficar “ sem apetite “ ou pode até ter dificuldade de encontrar algo ( descente que lhe agrade ) para comer, mesmo que tenha todo dinheiro do mundo !? Minha estratégia foi pagar Pensão Completa nos hotéis ou atacar o frigobar ( ou minibar ), pois tome muito cuidado com a água ! É o que mais se vende pirata pelas ruas ( vai precisar de muita ). Veja bem se está mesmo lacrada; não queira tomar água que não seja mesmo natural de boa origem. Já esteja preparado psicologicamente para a pior das emoções e até passar certas necessidades, assim o que vier é lucro ! Também poderá ter emoções boas, claro ... senão ninguém iria para lá e é melhor ir com um guia agendado do que por conta própria e mesmo assim esteja preparado para o incômodo dos insistentes vendedores ambulantes e pedintes, eles podem lhe irritar o tempo todo (normal; isso é o de menos neste contexto). 
Após enfrentar todo esse impacto e passar pela sujeira, aí vem os lindos e ostensivos templos e fortalezas, todos PATRIMÔNIOS DA HUMANIDADE e da UNESCO, principalmente a 7ª Maravilha do Mundo Moderno ( coincidentemente no 7º maior país do mundo ), o famosíssimo Taj Mahal, ( TAJ significa Coroa e MAHAL significa Palácio; Palácio da Coroa ) ... “ o colosso construído ao amor “ ( princesa Aryumand Banu Begam ou simplesmente Mumtaz Mahal ), para alguns “ a maior prova de amor do mundo “, uma das mais fantásticas obras feitas pelo homem em meio a um jardim ornamental, localizado na cidade de Agra ( “ Agra...dável “, segundo meu guia ), aproximadamente 250 km da capital Nova Délhi que sugiro ir via terrestre em aproximadamente 5 horas para ver tudo o que descrevo aqui. O Taj é um túmulo ou mausoléu octagonal totalmente simétrico construído pelo imperador Shahabuddin Mohammed Shah Jahan ou Shah Jehan ou Shahjehan ou Prince Khurram o qual demorou 22 anos para ficar pronto e muitos consideram como o edifício mais lindo do mundo ( ao menos é o único que conta a maior história de amor da humanidade ), que não é totalmente em mármore branco como citam certas publicações, pois por dentro foi feito de tijolos e revestido sim pelo mármore e detalhes incríveis de pedras semi-preciosas e escritas do Alcorão. É definitivamente algo para ser admirado e definitivamente a riqueza está escondida na pior distribuição de renda possível. Hoje deixou de ser simétrico após a morte deste imperador, pois seu túmulo está ao lado de sua amada ( ao menos seu filho fez esta gentileza. Proibido tirar fotos dentro ). E para citarmos a verdade nem são os túmulos verdadeiros que vai ver, apenas cópias, já que os verdadeiros ( exatamente iguais ) estão 6 metros abaixo no subsolo. Sua visita deve ser bem cedo para evitar o calor alto do meio dia e também para evitar maiores multidões. Uma curiosidade ou lenda é que existiria outro Taj Mahal Preto do outro lado do Rio Yamuna ou Jamuna para o próprio imperador e seriam ligado por uma ponte, só que seu querido filho Abu Muzaffar Muhiuddin Muhammad Aurangzeb Alamgir ou Alamgir I o depôs e o prendeu até sua morte, além de matar todos os irmãos que concorriam ao trono. Os “ possíveis “ mármores pretos que foram encontrados do outro lado do rio teria sido feito pela ação do tempo ou ainda era o cimento que restou do Taj Branco, onde alguns dizem que não mancha, mas está amarelando aos poucos ( infelizmente ), talvez pelo tempo e por existir um crematório próximo onde as cinzas se espalham pelo ar ( se permanece lindo, imagino como era sendo mais brilhante no passado, considerando ainda que as ponteiras no topo eram de ouro; os ingleses fizeram “ o favor “ de trocá-las por bronze ). Outras fontes dizem que o Taj Preto ou Negro seria apenas o reflexo do Taj Branco no rio citado ( que por sinal fede muito ). Outras grandes obras são os fortes como o Forte de Agra ( Lal Qila, Fort Rouge ou Forte Vermelho de Agra ) que possui uma arquitetura bem impressionante e bela da época dos Mongóis ( 1565 ), local onde o imperador Shah Jehan ficou preso, visita imperdível.    

   O país ainda posssui outras Maravilhas ou pontos curiosos em outras provínciais ou estados como as Cavernas de Ajanta, Os Templos de Raja-Raja e até ilhas parasidíacas descritas com mais detalhes no livro " O Mundo é Seu, Viaje ! " ( contato omundoseuviaje@hotmail.com ) Qualquer outra informação cativante ou convincente, pode ser verdade, mas o “ fascinante “ e o “ surpreendente “ aqui tem um preço alto a superar ou ultrapassar, pois é o país do improvável cheio de cores e vida. Na realidade a Índia não é um país, é um continente com mais de 14 idiomas oficiais. O aeroporto da capital Nova Delhi é muito bom, espaçoso e incrivelmente tranqüilo ( sem muito movimento ), sendo este um destino que eu relutei muito para visitar, mas acabei indo por teimosia e para poder ver o TAJ MAHAL e completar as Maravilhas do Mundo
     
"  NAMASTÊ  "

DIREITOS AUTORAIS RESERVADOS ( COPYRIGHT )
maio 2013